Lavoisier

14 de maio, 22h

Centro Cultural de Paredes de Coura

· Concertos

“Os Lavoisier pegam na tradição musical portuguesa e recriam-na.” - Bruno Martins in Antena 3

Lavoisier é formado por Roberto Afonso e Patrícia Relvas, que nasce com a necessidade interior de criar um diálogo, onde a expressão musical é elevada ao seu expoente mais sensível. A estadia em Berlim entre 2009 e 2013 criou-lhes um novo olhar e, com a distância, chegou a inevitável “saudade”. Depois de consolidar conceptualmente o projecto na antropofagia adoptada pelos Tropicalistas brasileiros nos anos 70, o primeiro passo para a sua aproximação à música tradicional portuguesa teve origem no trabalho de recolha musical, levado a cabo por Michel Giacometti e Fernando Lopes Graça. E foi com esse espírito que começou a jornada de Lavoisier, rumo a uma maior percepção da essência musical.

Após o último trabalho imersivo na obra poética de Miguel Torga, com o álbum “Viagem a um Reino Maravilhoso”, Lavoisier chega a estas novas composições acreditando em parcerias improváveis, alargando assim as hipóteses na criação de novos mundos, através de encontros reais que saltam de um álbum para um palco, numa situação concreta de aproximação. 

Este álbum surge com a necessidade de agir e fortalecer estes sítios comuns, ter consciência que continuamos a ser livres e responsáveis pelo aparecimento de novos diálogos, novas relações e discursos que nos catapultam para um futuro próspero. 

O ser independente na arte é uma ambição/condição que nos aproxima de uma verdade, verdade essa que se tem mantido através de ideologias defendidas sob o baluarte “na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma”; mantendo-nos fiéis a um espírito de que na arte, a partilha, o respeito e a vontade de fazer acontecer “um mundo melhor”, fora de preconceitos e propriedades perigosas, seja alcançável e acessível a todos os seres independentemente da sua crença, género ou etnia. 

Discografia: "Aí" (2022, edição de autor), "Viagem a um Reino Maravilhoso" (2019, Armoniz), “É Teu” (2017, edição de autor) e “Projeto 675” (2014, edição de autor).

 

 

Ficha artística e técnica:

Patrícia Relvas - Voz

Roberto Afonso - Guitarra e voz

Cid Saldanha - Som

 

Páginas:

 

 

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK